segunda-feira, 6 de setembro de 2010

PASTORAL FAMILIAR

Nos dias 4 e 5 de setembro, aconteceu no centro de formação – Castelhano, a Assembleia Diocesana da Pastoral Familiar. O evento foi enriquecido por dezenas de lideranças de algumas paróquias da Diocese, fazendo com que o trabalho fosse de uma riqueza imensa. Percebemos o avanço pastoral e a preocupação enorme por parte destes fieis, que encontram na FAMÍLIA o berço de todas as vocações. Sabemos que há muitas bençãos, graças, virtudes e valores em nossas famílias, e é justamente a partir deste “ninho” familiar que a sociedade será melhor. Foi nesta atmosfera de otimismo que a assembleia aconteceu. Celebrando a riqueza familiar, iluminando ainda mais com as Sagradas Escrituras e Documentos da Igreja e tantas experiência extraordinárias que Deus manisfestou e as famílias abriram-se para acolher. “A Pastoral Familiar abrange todas as famílias, independente de sua situação da familiar, com o propósito de promover a inclusão e resgatar os valores e a dignidade de cada pessoa”. Em assembleia refletimos que nem todas as famílias estão abertas e preparadas para acolher esta benção, há muitos desafios e ameaças a este “ninho”, que por hora é frágil e precisa de cuidados, de formação, de afeto, ternura, carinho, acolhimento... Precisamos cuidar, proteger e zelar este tesouro com toda força que há no coração e não deixar que os predadores atinjam e agridam a VIDA da FAMÍLIA. Estamos falando da falta de diálogo, de ternura, da capacidade de amar e perdoar, de ser profetas nos dias de hoje e resistir a “cultura” do descartável, amizades virtuais, computadores e internet usados sem responsabilidade, das relações superficiais, do consumismo e imediatismo, “falta de tempo” para certas coisas imprescindíveis para haver harmonia, compreensão, honestidade, educação... Se esta realidade faz parte dos conteúdos e valores da tua vida, venha fazer parte da PASTORAL FALIMIAR, procure na sua paróquia as lideranças que já estão abertas para transformar cada dia mais nossas famílias em LARES de Amor, fé, diálogo, ternura, afeto, carinho, e aumentar ainda mais a lista de valores cultivados no coração. Assim sendo certamente a safra será farta e nossa sociedade um paraíso. Nos encaminhamento da Assembleia percebemos que este compromisso é de todo BATIZADO, chamado a responder generosamente ao apelo de Deus, que conta conosco nesta edificação familiar. Pastoral Familiar - Caçador

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget